segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

LAJEADO: 16 ANOS DEPOIS...


Quem guarda, tem. 
Nem que seja para um dia cobrarem da gente.

O marido, leitor assíduo de Paulo Sant'Ana, orgulhoso por morar em uma cidade punjante como Lajeado, nas palavras da prefeita Carminha,  encaminhou à esposa que fez chegar até essa blogueira:

No passado bem que tu adoravas Lajeado, não é? – disse ela eriçando as narinas, erguendo uma das sobrancelhas e mais um pouco me estapeando. Entregou o envelope, entrou no carro e saiu queimando pneu. Quase colidiu na esquina.
Também entrei e logo abri o envelope.

Óóó... O marido guardou a minha cartinha escrita para o cronista em abril de 1996,  convidando para morar em Lajeado. Para quem desconhece...


As mulheres bonitas continuam as pencas: solteiras, separadas, casadas, fiéis,  traíras...
Aqui não tem mendigos, nem garotos nas sinaleiras – ainda!
Mas tem crackeiros e um rapaz que às vezes faz malabarismo na sinaleira.
Ainda restam  alguns ipês, desculpe, que conseguiram escapar da sanha destruidora da AES Sul, prefeitura e construtores.
Barzinhos com musica ao vivo? Um ou dois. Casarios antigos. Sim. Detonados. Em véspera de eleição prometem ao povo que vão dar uma repaginada nas casas da beira do rio, junto à ciclovia.  Tem gente que acredita. Desculpe.

.
Cinema? Dois. Detonados. Péssimo som. Dois shoppings? Um. E nem sinal de pista de kart. Desculpe. Pensa! Pensa! Pensa do que tu te escapastes... Um tédio. 

Essa é a principal rua de comércio de Lajeado: uma vitrine embaçada que adora mostrar progresso e desenvolvimento. Olhem bem... rua de ascendência alemã: limpinha e sem nenhuma árvore.


Olhem para o outro lado: asseio no chão e ferragens nos céus.
E tem gente que acha essa cidade bonita?
Que senso estético move a inspiração de vocês?


Engarrafamento? Sim, o progresso chegou até Lajeado. Depois que o governo instalou dezenas de sinaleira, a  coisa ficou pior que antes.  Tento afastar os maus  pensamentos da cabeça: onde tem sinaleira, redutor de velocidade e asfalto, tem maracutaia e alguém ficou mais rico.

Ainda bem Paulo Sant'Ana  que não aceitastes o convite.
Ainda bem.

5 comentários:

Anônimo disse...

Pior,Laura ...

Se olharmos para o passado, vemos que regredimos muito. Se lembra dos shows que tina na Expovale ? Se lembra do movimento que havia no Genes Shopping ? Se lembra como avia mais gente nas ruas ao invés de carros ? Cadê a cidade arborizada que tínhamos ?

Estamos implodindo, numa UTI a céu aberto.

JORGE LOEFFLER .'. disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
denair disse...

Laurinha, dez pelo teu blog, dez por esta matéria. Nunca achei Lajeado interessante, sempre achei-a 'pequena demais', hoje... está pior! Fora uns bairros que se tornaram riquíssimos, com casas suntuosas dos 'novos ricos'e o aumento grande no comércio, o resto...aff!!!
Bjin

Anônimo disse...

Aproveita, Laura, e vai também!

Anônimo disse...

Se acreditas que nossa cidade é tão "feia" e que nada presta, das duas uma, ou se candidata a vereadora ou te somes daqui!